quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Time Will Burn Again with Pin Ups



Eu raramente escrevo aqui nas páginas do TBTCI, resenhas, ou relatos, na verdade o enfoque é outro, mas a ocasião pede e exige algumas palavras.....

É sabido, e não é de hoje, que o Pin Ups aqui no TBTCI é basicamente algo intocável, digno de idolatria máxima, tanto sonora como comportamentalmente os caras simplesmente marcaram uma geração inteira e certamente as que vieram depois, principalmente a nova geração de guitar bands que simplesmente explode e ferve em todo o país.

Muito se deve a Zé Antônio Algodoal, Luiz Gustavo, Marquinhos e Alê, que formaram a fase digamos assim áurea da banda, depois Luiz saiu, outras mudanças de formação ocorreram, Flávio e Elaine entraram, e ainda tiveram folego pra soltar uma trilogia de discos altamente recomendáveis.


E agora dia 14 de novembro acontecerá o que talvez, eu digo talvez, porque não gostaria de acreditar nesta hipótese, mas o Zé já me frisou que sim, este sera o ultimo show de uma história de fúria e mudança de comportamento, o Pin Ups representa uma verdadeira ruptura com aquilo que era produzido nos 80´s em termos de rock nacional, e estilhaçou todo e qualquer tímpano com o clássico e fundamental Time Will Burn, depois vieram, o altamente shoegaze, Gash, na sequência o inflamável e perigoso Scrabby, por fim a trilogia que citei, com Jodie Foster, Lee Marvin e Bruce Lee,

Para muitos que não estavam lá, lá leia-se virada dos 80´s para os 90´s e os inferninhos da época, Retro, Der Temple, etc, etc, etc, tem a rara, veja bem, rara oportunidade de presenciar o que era o Pin Ups em cima dos palcos, óbvio que vão vir dizer que não é igual e blá blá blá, mas saiba de uma coisa, eu vi pelo menos uns 30 shows das mais variadas maneiras, formatos e todos sem exceção geraram algo que atualmente não se vê muito por aí, verdade, perigo, diversão, é verdade tudo era na realidade uma grande diversão. E é assim que tem que ser, por isso que no submundo dos bons sons estamos presenciando tanta banda boa aqui no nosso país, só falta alguma coisa pra que isso exploda, e vai saber, se isso não pode ser exatamente esse show de despedida dos mestres e responsáveis por essa porra toda, quem poderá afirmar?



A única coisa que eu sei, é que estarei lá pela enésima vez, e com o sorriso de ponta a ponta, esperando o Pin Ups subir no palco do Sesc Pompéia, e vejam, acompanhados de gente do calibre de Rodrigo Carneiro, Rodrigo Gozo e Adriano Cintra.

Simplesmente imperdível!! Nos vemos por lá...

Nenhum comentário: