terça-feira, 24 de novembro de 2009

Psychocandy with Meat Whiplash


Como dizia o programa, "senta que lá vem história" e isso aqui é pura história, alias histórico, East Kilbride, Scotland, mais conhecida por ser a terra natal dos maiores J&MC, mas esta pequena cidade da Escocia, produziu na mesma epoca outra banda que sucumbiu a história, mas que deixou marcado definitivamente a essência do que a cidade era, primeiro que o Meat Whiplash foi a primeira banda a assinar com a Creation, segundo que a capa de seu unico 7" foi concebida por Bobby Gillespie, produzido pelos irmãos Reid, precisa mais??Precisa porque 1 unico 7" e 4 canções colhidas de Peel Sessions da aquele gosto amargo de querer mais e mais e muito mais, ainda mais pelo seguinte, se os caras eram banda de abertura do Jesus, tinham que ter a mesma caracteristica e eles tinham, só que mais bubblegum e mais esquizofrenicos tipo Fall tudo isso a´la Jesus, só sei o seguinte Don´t Slip Up e Here It Comes são clássicos absolutos do underground de todos os tempos, noisepop doentio e pegajoso, com muito wall of sound...espancando um kit de bateria basicamente inaudivel, um pout pourri para os amantes de música seja class of 86, shoegazer, noise, pos punk, tanto faz, tem que ter Meat Whiplash na tua coleção, isso fora as 4 musiquinhas da peel sessions, Loss, Walk Away, Eat me to the Core, She Comes Tomorrow são fantasticas também....uma pena que a banda não vingou, mas para quem curte os desmembramentos do underground inglês e quiser ir atrás, a banda depois do single recrutou a vocalista Alex Taylor que era do Shop Assistants e dai a banda virou Motorcycle Boy, mas ai já é outra história para outro dia...

Aqui é hora do clássico Meat Whiplash....

2 comentários:

Miguel disse...

Vou conferir!

Death Valley 69 disse...

barulhinho bom esse viu